Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Vale abre inscrições para programa de capacitação profissional exclusivo para mulheres negras
As candidatas precisam se auto identificarem como pretas ou pardas e ter formação em qualquer curso superior entre dezembro de 2012 e dezembro de 2018
Por Exame | Tempo de leitura: 3 min
(Washington Alves/Reuters)

A brasileira Vale está com inscrições abertas para seu mais novo programa de capacitação profissional focado em diversidade, com vagas exclusivas para mulheres negras.

Batizado de Programa de Aceleração de Carreira para Mulheres Negras, a iniciativa visa acelerar o desenvolvimento profissional de 100 mulheres negras.

Por meio de oficinas temáticas, mentoria individual, letramento e aulas com líderes negras renomadas, a Vale quer contribuir para o fortalecimento de competências e habilidades das participantes, preparando-as para atuarem em posições mais estratégicas no mercado de trabalho.

Segundo a Vale, o programa foi desenvolvido em parceria com consultores especialistas na pauta racial e conta com nomes renomados do mercado executivo, com foco na empregabilidade de mulheres negras.

O curso é gratuito e tem duração de cinco meses, com uma média de três horas de dedicação semanal. O formato será online e em horário noturno para não comprometer a rotina de trabalho das participantes.

A Vale busca, preferencialmente, candidatas dos estados do Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pará e Rio de Janeiro, já que a empresa busca contatar e capacitar primariamente as mulheres das comunidades onde atua.

“A Vale vem desenvolvendo diversas iniciativas de Diversidade, Equidade e Inclusão buscando contribuir para termos uma sociedade mais justa e com equidade de oportunidades. Somos agentes de transformação e, com este programa, queremos estimular a troca de conhecimento e empoderar essas 100 mulheres negras para que elas possam se desenvolver ainda mais no mercado de trabalho e alavancar suas carreiras”, afirma Marina Quental, vice-presidente executiva de Pessoas da empresa.

Como se inscrever

As interessadas devem realizar as inscrições pelo site oficial da iniciativa. As inscrições devem ser feitas até dia 9 de novembro pelo endereço.

Para poder se candidatar, as mulheres precisam se auto identificarem como pretas ou pardas e ter formação em qualquer curso superior entre dezembro de 2012 e dezembro de 2018

Vale dizer que o programa de aceleração de carreira é uma iniciativa externa da companhia e não acarreta relação de trabalho entre as participantes e a Vale.

O processo seletivo será realizado de forma online, com entrevistas individuais durante os meses de outubro e novembro. O resultado será divulgado em dezembro e a aula inaugural do programa acontecerá ainda em 2022.

Foco na diversidade

Além do curso de capacitação para mulheres negras, a Vale possui outras iniciativas de desenvolvimento profissional com foco em grupos minoritários, apostando em uma maior diversidade dentro da empresa e, consequentemente, dentro das lideranças.

Hoje, a empresa conta com três iniciativas principais que visam o protagonismo e o crescimento profissional dos participantes.

Uma delas é o programa Potencializando Talentos Negros, lançado este ano, que consiste em oferecer capacitação a 100 profissionais autodeclarados negros da empresa.

Durante quatro meses, a iniciativa promove oficinas temáticas, sessões de coaching e mentorias em grupo, abordando temas como Empoderamento Pessoal, Mentalidade de Crescimento e Liderança Humanizada.

A Vale tem a meta de atingir 40% de empregados negros em funções de liderança no Brasil até 2026 (atualmente são 29%) e, por meio deste programa, busca acelerar o desenvolvimento de habilidades e competências desses empregados.

Tendo como foco as mulheres, a Vale também promove a ação Conversas Inspiradoras. Durante três meses, mulheres líderes da empresa têm a oportunidade de receber mentoria de renomados profissionais externos de diversas áreas, a fim de trocarem experiências e compartilharem novas formas de pensar e atuar.

A iniciativa visa o empoderamento das empregadas e o desenvolvimento de suas carreiras e, nos últimos dois anos, contou com cerca de 200 participantes.

Atualmente, as mulheres ocupam 22% dos cargos de alta liderança na Vale e a meta é dobrar a representatividade de mulheres em sua força de trabalho até 2025.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.