Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Santander oferece bolsa de R$ 4 mil para aluno pagar dívidas com a faculdade; se inscreva
Entre as faculdades participantes do programa estão a Faculdade Anhanguera, a UNIP, a FMU e o Centro Universitário Barão de Mauá; saiba como se inscrever
Por Exame | Tempo de leitura: 2 min
(Reuters/Edgard Garrido)

O Santander Universidades, frente educacional do banco Santander, está com as inscrições para seu programa Santander Superamos Juntos 2022. Com exclusividade à EXAME, o banco afirma que o projeto tem como objetivo ajudar estudantes que passam por alguma dificuldade financeira a se manter na universidade. O programa esperar atingir 1,5 mil estudantes de todo o Brasil e é um auxílio financeiro para que esse aluno possa se manter na faculdade privada.

O valor total da bolsa é de R$ 4 mil e beneficia o aluno de duas formas: cada contemplado receberá uma ajuda de custo de R$ 300, que pode ser usado para qualquer necessidade do aluno, seja na compra de livros e materiais ou para o pagamento de um pacote de internet, por exemplo. Em paralelo, a universidade em que o aluno está matriculado recebe um crédito de R$ 3,7 mil para quitar mensalidades e eventuais dívidas dos participantes.

Serão oferecidas 1,5 mil bolsas individuais para estudantes de 226 universidades privadas em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. A lista de universidades conveniadas ao programa pode ser conferida no site do Santander Universidades. A duração do programa será definido posteriormente pela universidade parceira.

“Em um momento de evasão do ensino superior privado chegando a 36,6%, o Superamos Juntos busca trazer um alicerce para alunos que estão em vulnerabilidade social. Entendemos que estamos passando por um momento especial e que tanto os estudantes quanto as universidades necessitam desse apoio. O Santander Universidades quer contribuir para que os aluno não precisem abandonar os estudos. Faz parte da nossa missão combater essa evasão e engajar o universitário a progredir em sua carreira”, comenta Nicolás Vergara, superintendente executivo do Santander Universidades. Vergara faz referência ao dado do Semesp, instituição que representa as universidades privadas no Brasil, que indicou que 2021 e 2020 foram os anos com maior índice de evasão escolar no ensino superior privado desde o início da série histórica.

Os estudantes interessados devem se inscrever até o dia 13 de setembro pelo site oficial do programa. Lá também é possível conferir a lista das faculdades participantes. Entre as faculdades participantes do programa estão a Anhaguera, a UNIP, a FACAMP e o Centro Universitário Barão de Mauá, por exemplo. A escolha dos contemplados será feita por meio de edital publicado pelas próprias universidades e, segundo consta nas informações do programa, levará em conta excelência acadêmica e situação de vulnerabilidade social do candidato.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.