Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Santander oferece 10 mil bolsas de estudo para mulheres em tecnologia
As 200 melhores alunas do curso ainda serão chamadas para participar de um processo seletivo para trabalhar na frente de tech do banco
Tempo de leitura: < 1 min


(Getty Images/Jakub Porzycki)

O Santander Universidades, frente educacional do banco Santander, abriu nesta segunda-feira, 23, as inscrições para o programa Code Girls 2022, voltado para mulheres que têm interesse na área e desejam trabalhar com programação.

O banco afirma que, neste ano, serão oferecidas 10 mil bolsas de estudo exclusivas para mulheres, para aprenderem do básico ao avançado sobre desenvolvimento Back-end com Java e Spring, desde Lógica de Programação Essencial até projetos práticos na área.

Segundo o banco, a iniciativa faz parte da campanha #PraTodasElas, que busca aumentar a participação e visibilidades das mulheres em mercados dominados por homens, como é o caso do de tecnologia.

As vagas são oferecidas graças à parceria entre o Santander Universidades e a F1RST, startup do Santander responsável por manter e melhorar o ecossistema digital do banco.

Vale dizer que o programa, ainda que possua um teor educacional e tenha como prioridade profissionalizar essas mulheres na área de tech, também terá um foco empregatício.

Após o programa, o Santander garante que 20 mulheres serão contratadas para atuar na startup F1RST.

As 200 participantes com melhor performance no Code Girls serão entrevistadas, concorrendo às vagas de analista de tecnologia disponíveis para trabalhar no polo de inovação do Santander.

Embora o Santander não divulgue a faixa salarial das posições, as 20 contratadas receberão outras capacitações específicas para além do curso gratuito para trabalhar na startup.

Aquelas que completarem a capacitação também estarão aptas a uma formação complementar de Agile coach e Analista de Dados — tudo oferecido gratuitamente pelo banco.

Após a contratação, as selecionadas passarão por um curso de imersão de três meses para se aprimorarem na linguagem Pega, uma das principais ferramentas utilizadas no Santander.

“Independentemente de serem contratadas pela F1RST, todas as mulheres que passarem pela formação e se dedicarem de fato estarão aptas a buscar oportunidades numa área que tem demanda crescente e é carente de mão de obra qualificada”, acrescenta Nicolás Vergara, superintendente executivo do Santander Universidades no Brasil.

Criada no ano passado, a F1RST concentra todos os ativos de tecnologia do Santander no Brasil, e presta serviços para as mais de duas dezenas de coligadas do grupo Santander, inclusive algumas operações no exterior. A empresa já conta com mais de 3 mil funcionários — e quer expandir seu time em 2022.

Após a contratação, as selecionadas passarão por um curso de imersão de três meses para se aprimorarem na linguagem Pega, uma das principais ferramentas utilizadas pelo Santander.

Como se inscrever para as bolsas do Santander

As interessadas no curso de capacitação gratuito do Santander devem realizar a inscrição através do site oficial do programa. As inscrições se iniciaram nesta segunda-feira, 23, e vão até o dia 27 de junho.

Para participar do programa, a candidata deve ser maior de idade e estar cursando ou já ser formada na graduação ou pós-graduação nos cursos: análise e desenvolvimento de sistemas, ciência de dados, ciência da computação, cibersegurança, computação em nuvem, engenharia de software, engenharia da computação, engenharia de machine learning, jogos digitais, rede de computadores, sistema para internet e sistemas de informação.

Lembrando que apenas as 200 melhores alunas terão a oportunidade de realizar a entrevista para as vagas na startup do Santander.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.