Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Conheça o engenheiro que só põe mentiras no currículo
Page/Post Excerpt

exame

O engenheiro norte-americano Chris Baglieri não tem vergonha de dizer que seu currículo é um compilado de mentiras.

Em seu blog pessoal, ele confessa: “No início de cada ano, atualizo meu currículo com falsidades. Eu minto, intencional e corajosamente: proficiente em X; lançou Y; conduziu um time e realizou Z com sucesso. Eu o moldo à perfeição”.

Apesar das aparências, o post de Baglieri não é um “bilhete de suicídio” profissional. Na verdade, tudo não passa de um método encontrado pelo engenheiro para se motivar e planejar o crescimento de sua carreira.

Sua ideia é simples: com seu próprio currículo “perfeito” em mãos, ele começa a pensar no que precisa fazer no ano que acabou de começar para transformar as façanhas fictícias ali descritas em realidade – uma espécie de resolução de ano novo mais elaborada do que o normal.

“Estou convencido que este é o melhor conselho de carreira que eu tenho (…) Elabore seu currículo da forma como você quer que ele seja, e então descubra como você vai transformar aquela peça de ficção numa peça de não-ficção ao longo do ano”, escreve ele no blog.

O CV de mentirinha, na verdade, serve apenas para o exercício. Quando alguém pede o documento a ele, recebe uma cópia sem as invenções.

Baglieri é formado em engenharia elétrica e trabalha numa startup da Filadélfia, nos Estados Unidos.

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.