Scroll Top
Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Concurso do FNDE é publicado com 300 vagas e salário inicial acima de R$ 7 mil
O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação exige nível superior em qualquer área. Prazo é até 06 de outubro. Veja como participar
Por Exame | Tempo de leitura: 3 min
(sengchoy/Getty Images)

O edital para o concurso público do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) foi publicado e 100 vagas imediatas e 200 para cadastro de reserva para o cargo de Especialista em Financiamento e Execução de Programas e Projetos Educacionais, de nível superior, com remuneração inicial de R$ 7.938,73.

Como se inscrever?

OOs candidatos poderão se inscrever no período de 18 de setembro a 06 de outubro, exclusivamente pelo site da banca organizadora, o Cebraspe. Provas objetivas serão aplicadas em 03 de dezembro de 2023. A taxa de inscrição foi fixada em R$ 80.

Como serão as provas?

OA seleção vai contar com prova objetiva e discursiva, que serão aplicadas no dia 3 de dezembro de 2023, segundo o edital.

  • Na objetiva, serão cobradas 50 questões de conhecimentos básicos e 120 de conhecimentos específicos.
  • Já a discursiva será composta por uma dissertação sobre temas relacionados à administração pública, direito constitucional, direito administrativo ou legislação educacional, além de uma questão a ser respondida em até 15 linhas sobre temas relacionados às mesmas áreas.
  • Quais serão os conhecimentos mais requiridos?

    Pelo conteúdo programático listado no edital, a carreira por meio deste concurso será mais voltada para a administração pública que efetivamente para a educação, segundo Carlinhos Costa, coordenador de carreiras educacionais do Gran, uma vez que os aprovados vão lidar com licitações, pagamentos, contratações e outras questões administrativas do órgão.

    “O Especialista em Financiamento e Execução de Programas e Projetos Educacionais é o profissional que vai fazer as disposições de recursos para os projetos de educação. Por exemplo, o Programa Nacional do Livro Didático, que recebe recursos do FNDE, esse especialista vai analisar as licitações, fazer os pagamentos, as contratações, assim como em todos esses programas nacionais que estão ligados à educação”, diz Costa.

    A natureza do cargo exige conhecimentos de administração financeira e orçamentária, e por isso essa deve ser a parte mais difícil da prova e deve ser cobrada em alto nível, reforça o especialista.

    “Podemos esperar uma prova difícil e com muitos candidatos, já que exige um conhecimento amplo e exige formação superior em qualquer área.”

    Vai sair na frente quem dominar os conteúdos de administração financeira orçamentária, administração pública e legislação educacional, tanto a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional quanto do Fundeb, afirma o professor.

    “A LDB e o Fundeb são leis difíceis, complexas e se a pessoa vai começar a estudar agora é exigido que ela tenha alto grau de preparação. Como há pouco tempo para essa preparação ampla, a dica é que o candidato faça muitas questões da banca para entender como essas disciplinas são cobradas pelo Cebraspe. O mais importante é conseguir dominar essas leis, e já adianto que o Cebraspe costuma cobrar esse conteúdo de forma pesada”.

    Veja as dicas adicionais do especialista:
    • Para entender como as disciplinas serão cobradas, o candidato deve fazer muitas questões anteriores do Cebraspe. Aqui o alerta é sobre o formato usual de cobrança de banca, e que uma questão errada anula uma certa. Por isso, o candidato deve ter cuidado com os chutes.

    • Todas as etapas acontecerão no mesmo dia, mas em períodos diferentes. Por isso, a prova objetiva foi dividida em duas partes (conhecimentos básicos e específicos), assim como a discursiva (dissertação e questão). Pela manhã serão aplicadas a prova de conhecimentos básicos e a dissertação, e à tarde será a vez da prova objetiva de conhecimentos específicos e da questão discursiva. Com esse cronograma, o candidato deve preparar o corpo e a mente para uma prova longa e cansativa. O ideal é descansar e se alimentar bem nos dias anteriores.

    • Na etapa discursiva que traz a questão, que deve ser respondida em até 15 linhas, podemos esperar uma situação problema, que acredito que esteja ligada à legislação educacional ou aos princípios constitucionais dos recursos financeiros, pensando na natureza do cargo.

    • Já a dissertação deve estar mais ligada a problemas atuais e programas de governo, que são temas que conseguem envolver os demais temas sugeridos no edital (administração pública, direito constitucional, direito administrativo ou legislação educacional). Além disso, a dissertação pode ter até 90 linhas, então o grau de exigência deve ser bem alto.

    Deixe um comentário

    Preferências de Privacidade
    Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.