Scroll Top
Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Como estudar para concurso público: 5 técnicas para aumentar as chances de aprovação
Conheça famosas técnicas de estudo usadas pelos aprovados em concursos públicos
Por Exame | Tempo de leitura: 3 min
(Bússola/descomplica/Divulgação)

Conheça as técnicas de estudo usadas pelos aprovados em concursos públicos. Com a crescente concorrência em concursos públicos, é fundamental que os candidatos sejam eficientes em seus estudos para garantir o melhor desempenho.

Este artigo irá apresentar cinco técnicas de estudo que podem ser aplicadas para otimizar sua preparação para concursos públicos.

1. Técnica Pomodoro

Desenvolvida por Francesco Cirillo nos anos 80, a Técnica Pomodoro é um método de gerenciamento de tempo que pode aumentar sua produtividade nos estudos.

A ideia é dividir o tempo de estudo em blocos de 25 minutos, chamados de “Pomodoros”, com intervalos de 5 minutos. Após quatro “Pomodoros”, faça uma pausa mais longa, de 15 a 30 minutos.

Essa técnica ajuda a manter a mente focada e descansada, aumentando a eficiência do estudo.

2. Mapas Mentais

Os mapas mentais são recursos visuais que auxiliam na organização e compreensão das informações, tornando-as mais acessíveis. São especialmente úteis para visualizar conceitos complexos, facilitando a memorização e a revisão.

Para criar um mapa mental, comece com um conceito central e, a partir dele, desenhe ramos que se conectam a subtemas relacionados. Utilize cores, símbolos e imagens para tornar o mapa mais atraente e fácil de ser lembrado.

Essa técnica proporciona uma representação visual clara e estruturada do conhecimento, promovendo uma compreensão mais profunda e eficiente dos assuntos estudados.

3. Estudar por Questões

A técnica de estudar por questões é uma ferramenta indispensável e altamente eficaz na preparação para concursos públicos.

Ela se baseia na resolução de questões retiradas de provas anteriores, o que permite aos candidatos aplicarem o que aprenderam em um contexto prático, além de se familiarizarem com o formato da prova.

Esta prática também é vital para a identificação de lacunas de conhecimento. Ao revisar as respostas e analisar os erros cometidos, é possível identificar áreas que necessitam de estudo adicional.

4. Método de Revisão Espaçada

O Método de Revisão Espaçada é uma técnica de estudo baseada na ideia de que as informações são mais facilmente memorizadas quando revisadas em intervalos crescentes.

Após aprender algo novo, revise-o após um dia, depois uma semana, um mês e assim por diante. Essa técnica pode ser particularmente útil para manter a memória afiada e evitar o esquecimento do material estudado.

5. Método Feynman

O Método Feynman é uma técnica de estudo baseada no Nobel de Física Richard Feynman. A técnica tem como objetivo ensinar a você como estudar e entender qualquer assunto de maneira mais profunda e eficaz.

A técnica consiste em quatro etapas. Primeiramente, leia livros, assista a vídeos e ouça palestras sobre o assunto até sentir que tem uma boa compreensão dele.

Em seguida, ensine o conceito a alguém que não o conhece. Pode ser um colega, amigo ou até mesmo um objeto inanimado. A ideia é que, se você puder explicar o conceito de maneira simples e clara, então realmente o compreendeu.

Ao tentar ensinar o conceito, você encontrará aspectos que possui dificuldade em explicar claramente. Isso indica que você precisa de mais estudo nessa área.

Por fim, reveja e simplifique. Volte ao material de estudo para preencher essas lacunas. Continue a ensinar e revisar o conceito até poder explicá-lo de maneira simples e direta.

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.