Scroll Top
Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
CIEE lança programa que abrirá até 5 mil vagas para aprendiz no Brasil
Programa de aprendizagem "Impulso Digital” prevê conteúdo de fortalecimento de hard skills em comunicação, raciocínio lógico e pensamento computacional para jovens que estão ingressando no mercado de trabalho
Por Exame | Tempo de leitura: 2 min
(Divulgação: CIEE)

O Centro de Integração Empresa-Escola – CIEE, ONG de inclusão social e empregabilidade jovem, em parceria com Ada Tech, plataforma de educação para empregabilidade no mundo de tecnologia, lançou nesta quarta-feira, 6, o programa de aprendizagem “Impulso Digital”.

O programa foi pensado dentro da Lei da Aprendizagem (Lei 10.097/2000) e busca nivelar o conhecimento dos jovens e adolescentes. A iniciativa concilia 520 horas dedicadas ao estudo da língua inglesa, estatística, banco de dados, entre outros temas. Os campos de estudo desenhados dialogam com as necessidades e desafios dos profissionais do futuro.

“Desde a nossa fundação buscamos atender as demandas do mundo do trabalho. O Aprendiz Impulso Digital não é diferente. Ele foi construído para responder às demandas das empresas, suprir os gargalos do ensino básico e dialogar com as profissões do futuro”, afirma Rodrigo Dib, superintendente Institucional do CIEE.

Quem poderá participar do programa?

Poderão participar jovens entre 14 e 24 anos completos. O programa é piloto e nesse primeiro momento atenderá as primeiras empresas.

“Na prática, as empresas vão procurar o CIEE para abrir as vagas, e podem ser empresas de todas as áreas e não apenas voltada para tecnologia. Já os aprendizes serão triados com base no banco de dados do CIEE,” diz Dib.

Qual é a expectativa com o programa?

A expectativa é que até o final deste ano pelo menos cinco mil aprendizes sejam contratados e tenham acesso ao conteúdo que prevê fortalecimento de hard skills em comunicação, raciocínio lógico e pensamento computacional.

A iniciativa conta com o apoio do Movtech, coalizão de organizações que buscam direcionar recursos para investimento social em educação e tecnologia.

“Construímos o programa Aprendiz Impulso Digital, porque entendemos que capacitar os aprendizes a partir da lógica computacional é fundamental para o desenvolvimento de competências que serão necessárias no mundo do trabalho nos próximos anos, independentemente se este aprendiz optar trabalhar ou não na área de tecnologia”, afirma Dib.

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.