Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Beber café no trabalho estimula a honestidade, diz pesquisa
Page/Post Excerpt

Exame

Uma xícara grande de café vai além do combate a uma manhã ou tarde sonolentas no trabalho. A bebida pode ser uma “arma” para resistir à tentação de um apelo do chefe para agir de forma antiética.

A conclusão inusitada é de professores da área de negócios das universidades de Washington, do Arizona e da Carolina do Norte, em recente pesquisa publicada no Journal of Applied Psychology. De acordo com os pesquisadores, dormir pouco pode ser o “gatilho” para comportamentos antiéticos no trabalho.

É que a sonolência deixa as pessoas mais suscetíveis a influências sociais tais como um pedido do chefe para fazer alguma tarefa desonesta, segundo Michael Christian, professor de comportamento organizacional da UNC Kenan-Flagler Business School.

Por outro lado, um copo de café “resgata” a capacidade de controlar a tentação de sucumbir a estes tipos de atitudes desonestas, de acordo com as descobertas da pesquisa.

A cafeína ajuda a resistir porque turbina o autocontrole e ajuda a fortalecer a força de vontade de quem está simplesmente exausto, afirma Christian.

Por isso, os professores concluem que manter um código de conduta para funcionários pode não ser suficiente em um ambiente com cada vez mais pessoas dormindo menos do que a recomendação de médicos e fazendo expedientes de trabalho mais longos.

Além de mais máquinas de café nas empresas, salas de soneca, promoção de intervalos e desestímulo a horas extras são algumas das sugestões dos pesquisadores para as empresas.

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.