Azul recruta em todas as áreas para seu primeiro programa de trainee

Companhia busca talentos para ajudar no plano de crescer 30% em cinco anos e oferece passagens ilimitadas como benefício


A Azul, terceira maior companhia aérea do Brasil em participação de mercado, começa hoje a selecionar interessados para o seu primeiro programa de trainee.

A empresa, que começou a operar no país há onze anos com o propósito de atender cidades do interior que não contavam com serviço de aviação comercial, faz atualmente 900 voos por dia conectando 100 cidades no Brasil e 11 no mundo. Planeja aumentar o número de municípios da sua malha em 30 nos próximos cinco anos.

“Estamos buscando talentos que queiram fazer parte da família Azul, participando do nosso futuro crescimento e se desenvolvendo junto”, diz Jason Ward, vice-presidente de recursos humanos e clientes da companhia.

O programa vai receber seis trainees. Os pré-requisitos para participar da seleção são: formação superior em qualquer área concluída entre dezembro de 2017 e dezembro de 2019, inglês fluente e disponibilidade para trabalhar em Barueri, na grande São Paulo, e fazer eventuais viagens. Não serão aceitos candidatos com dependência ou grade estendidas. Atuais funcionários da própria Azul também podem se candidatar.

As inscrições vão até 6 de outubro. Entre setembro e outubro, haverá testes e painéis online. Em novembro, presencialmente, acontecem a entrevista com o departamento de recursos humanos e um painel de negócios. Em dezembro, será realizado um bate-papo com o presidente da Azul, John Rodgerson, e executivos da diretoria. Logo em seguida sai o resultado. O início do trabalho se dará em janeiro.

“A equipe de recrutamento está esperando um alto volume de inscrições e está cuidando para que todos os jovens tenham uma excelente experiência em todas as etapas do processo e possam conhecer os valores da companhia. Proporcionar aos jovens aprendizado e boas trocas durante o processo e assim identificar dentre tantos talentos, os que são a cara da Azul”, diz Camila Almeida, diretora de recursos humanos da Azul.

Os traines escolhidos passarão por quatro etapas ao longo de dois anos, acompanhados por executivos e profissionais do RH. Primeiro, integração; segundo, definição da área de atuação e projetos; depois, uma rotação pelos diversos departamentos da companhia; finalmente, um ciclo de desenvolvimento.

O salário não foi divulgado. Entre os benefícios, estão passagens aéreas ilimitadas, passagens para amigos, assistência médica e odontológica, plano de previdência privada, seguro de vida, refeitório no local e vale transporte.

As inscrições devem ser feitas pelo site do programa.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário