Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará

As dicas do Glassdoor para quem quer arrumar emprego em 2020

Arrumar um emprego é uma das suas metas de ano novo? Estas 5 dicas podem te ajudar


Janeiro (mês que pareceu interminável) finalmente acabou e, com esse fim, veio a consolidação dos objetivos para 2020. Em um país com uma taxa de desemprego de 11% no fim de 2019, não é de se estranhar que uma das principais metas de ano novo seja arrumar um emprego.

Claro que ainda vem o Carnaval por aí, mas este pode ser um bom momento para focar nessa tarefa e entrar no mercado de trabalho.

Pensando nisso, o Glassdoor, site de avaliações de empresas, elaborou um guia com 5 dicas para quem quer um registro na CLT neste ano. Confira:

1. Objetivos profissionais

Para Luciana Caletti, vice-presidente do Glassdoor na América Latina, é importante que o candidato tenha em mente seus objetivos profissionais e saiba onde quer chegar.

“Você quer um salário maior? Ou o mais importante neste momento é desenvolver novas competências? Saber responder perguntas como essas lhe permitirá ser mais estratégico em suas escolhas, economizando o tempo que gastaria preenchendo múltiplos formulários ou fazendo entrevistas para vagas que não fazem sentido para seu momento de carreira”, explica.

2. Networking é tudo

O famoso “quem indica” (Q.I., na linguagem popular) parece ser real: segundo levantamento do site, 73% dos candidatos que entraram em um processo seletivo por meio de indicação foram aprovados e aceitaram o cargo. Para chegar a esse número, foram analisados mais de 27 mil relatos de usuários brasileiros na plataforma.

Daí vem a importância de manter bons contatos — seja com colegas e líderes de experiências anteriores ou pessoas que conhecem o seu trabalho e podem te indicar em oportunidades futuras.

3. Cada vaga, uma candidatura

Deixe de lado a ideia de mandar o mesmo currículo e carta de apresentação (se necessária) para todas as vagas que você está se candidatando. Para Luciana, é importante conhecer profundamente a cultura das empresas e destacar em cada currículo os pontos mais interessantes para cada uma.

“Customizando sua candidatura, você mostra que compreende as necessidades daquela empresa e tem o que é preciso para aquela posição. Se a companhia tem uma cultura que valoriza o aprendizado constante, por exemplo, você pode incluir na descrição de cada uma de suas experiências profissionais aquilo que aprendeu com elas”, diz.

4. Salário se discute sim

Outro ponto importante ressaltado para a empresa é o salário. A ideia aqui é pesquisar (antes de se candidatar) quanto outras companhias pagam para pessoas que têm o mesmo cargo que você almeja — o próprio Glassdoor mostra a remuneração média por cargo e companhia.

5. Pronto para tudo

Pronto, você se inscreveu e foi chamado para a entrevista: e agora? O que fazer? Para o site, o quinto e último ponto é se preparar. Neste momento, vale tudo: dar um Google na empresa, procurar o que as pessoas comentam sobre ela nas redes sociais (corporativas ou não), ler sites notícias sobre ela… Tudo isso, segundo Luciana, mostra para o empregador que você “fez o dever de casa”.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário