Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Apple exigirá comprovante de vacinação contra Covid-19 de funcionários
Com a variante Ômicron, muitas empresas nos EUA vêm fortalecendo suas regras contra Covid-19
Tempo de leitura: 2 min


(Costfoto/Barcroft Media/Getty Images)

Apple exigirá que funcionários de varejo e corporativos forneçam comprovantes de vacina contra a Covid-19, informou o portal de notícias The Verge neste sábado, citando um e-mail interno.

A partir de 24 de janeiro, funcionários não vacinados ou aqueles que não enviaram comprovante de vacinação precisarão de testes negativos de Covid-19 para entrar nos locais de trabalho da Apple, segundo o relatório.

O The Verge disse que não ficou imediatamente claro se o requisito de teste se aplica a funcionários corporativos e de varejo.

“Devido à diminuição da eficácia da série primária de vacinas Covid-19 e ao surgimento de variantes altamente transmissíveis, como Ômicron, uma dose de reforço agora faz parte da atualização da vacinação contra Covid-19 para proteger contra doenças graves”, disse o comunicado, de acordo com The Verge.

A Apple não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

Muitas empresas nos EUA vêm fortalecendo suas regras contra Covid-19, obrigando a vacinação e adiando os planos de retorno ao escritório, pois a variante Ômicron aumenta as infecções em todo o país.

A Meta Platforms, o Google da Alphabet , a Amazon.com foram algumas das companhias que adotaram medidas recentes.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.