‘Ninguém sai quando tudo está incrível’, diz ex-presidente do Instagram

Divergências com Mark Zuckerberg seria o motivo da saída dos fundadores do aplicativo


Na última segunda-feira, 15, o ex-presidente executivo do Instagram Kevin Systrom admitiu que deixou o comando da rede social porque as coisas não iam bem. “Ninguém sai de um emprego quando tudo está incrível”, disse o executivo a jornalistas. A declaração rescende os comentários da imprensa especializada americana, que justificava a saída dos fundadores do Instagram devido a divergências com Mark Zuckerberg.

Criadores do Instagram, Systrom e o brasileiro Mike Krieger deixaram a rede social em setembro, justificando que precisavam de um tempo livre para explorar a criatividade. Nesta segunda, Systrom confirmou que a decisão foi impulsionada pelo clima dentro da empresa, que não era das melhores para os dois.

“Quando alguém deixa alguma coisa é porque obviamente há razões para sair. Ninguém sai de um emprego quando tudo está incrível” disse acrescentando que não possui ressentimentos quanto ao dono do Facebook.

O executivo disse que antes de tomar a decisão conversou com Krieger sobre o legado que eles gostariam de deixar ao mundo. Segundo Systrom, a dupla percebeu que o Instagram já era autossuficiente e que os dois estavam prontos para tentar uma nova empreitada.

“Ficamos nos perguntando coisas como ‘O que queremos conquistar? É algo ligado a receita? É número de usuários?’ E todas as respostas pareciam ser muito ocas”, disse exemplificando que não gostaria de ter como legado selfies ou hastags.

Com US$ 1,3 bilhão no bolso, Systrom, que acabou de ter uma filha e está aprendendo a ser piloto, está gastando seus dias como mentor de startups que ele investiu ao longo dos anos e lendo.

“Disseram uma vez que a melhor coisa que você pode fazer entre capítulos da sua vida é melhorar a si mesmo. É o que estou fazendo”, disse.

Engana-se, no entanto, que a dupla se aposente precocemente. Os dois já afirmaram que pretendem criar algo novo juntos, sem abrir qual será o novo projeto.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário