Jovem pede demissão em vídeo com dancinha e empresa responde

O Globo



Cansada do trabalho em uma empresa de animação de vídeos, Marina Shifrin resolveu pedir demissão produzindo um vídeo em que aparece dançando, de forma engraçada, na empresa vazia, em uma madrugada. Já foram mais de nove milhões de visualizações do vídeo em que Marina dança ao som da música “Gone”, de Kanye West, e cujas legendas explicam o motivo da saída: o chefe só se importava com quantidade, não com qualidade. A americana reclama ainda que, durante dois anos, sacrificou seu tempo, energia e relacionamento para se dedicar ao trabalho, sem ter o esforço reconhecido. Ela, que é jornalista e comediante, trabalhava produzindo vídeos de animação sobre notícias do dia a dia.

Mas a empresa, que fica em Taiwan, também não deixou barato. Em resposta à demissão de Marina, a Next Media Animation postou no Youtube uma resposta, vista por mais de 900 mil pessoas. Nele, vários funcionários aparecem dançando e as legendas provocam a ex-funcionária: eles avisam que estão contratando e que almoçam nas mesas de trabalho porque não há restaurantes por perto, mas, como têm um terraço com uma piscina e sauna, uma coisa compensa a outra.

No site Gawker, Mark Simon, diretor comercial da NMA, falou sobre a demissão que rodou o mundo pela internet. “Marina ganhava US$ 42 mil por ano (cerca de R$ 7.700 por mês). E trabalhava 40 horas por semana, cinco dias por semana. Não havia expectativa de horas extras de nossa parte: você termina o seu trabalho e vai embora”.

Deixe um comentário