Frases de 11 craques da bola que podem inspirar a carreira profissional

O Globo

Em entrevistas após partidas, nem sempre os jogadores de futebol se saem bem, dando respostas óbvias e clichês. Mas muitas vezes eles se saem com tiradas que trazem boas lições que podem, inclusive, ser aplicadas ao mundo profissional. No livro “Pensar com os pés” (Ed. Sextante), Allan Percy reúne frases de 50 profissionais do futebol, entre jogadores, ex-jogadores e técnicos, tirando lições que podem ser úteis de cada uma delas. Nós reuniunimos 11 dessas frases. Veja quais são:

1 Leonel Messi (Argentina)

“O dinheiro permite que você viva melhor, mas não é o que me inspira: eu vivo para jogar futebol, não por seus benefícios econômicos.”

Messi faz o que sabe fazer melhor. A lição do jogador: todos podem encontrar algo em que se destacam e não devem ter o ganho financeiro como meta primordial. Tendo descoberto o que se ama, fica mais fácil se sair bem, ser realizado e, como consequência, ser bem remunerado. Para ajudar a saber em que atividade se destaca, existem três perguntas que podem ser feitas: “Em que você é bom?”, “O que você faz sem dificuldades” e “O que faz em seus momentos livres?.”

2 Neymar (Brasil)

“A bola é redonda. Em um dia você está bem e no outro, mal.”

Ou seja: é preciso ter consciência de que nem todo dia será bom. Além disso, determinação e força de vontade para saber que, mesmo após um dia em que tudo dá errado, as coisas podem – e provavelmente, vão – se ajeitar. Neymar procura minimizar os dias ruins e maximizar os dias bons. Segundo o livro “Pensar com os pés”, o profissional deve “aprender com os dias ruins e promover, com hábitos saudáveis, os dias bons.”

3 Michel Platini (França)

“O futebol é feito de erros: se não, a partida perfeita terminaria 0 a 0”.

O ex-jogador e presidente da UEFA lembra da importância de se aprender com os erros e de aproveitar as oportunidades que podem surgir com os chamados “acidentes de percurso”.

4 Romário (Brasil)

“O que me inspira são os desafios. Minha vida sempre foi assim.”

O ex-jogador, sempre afeito a polêmicas, encontrou um desafio e tanto: ser deputado federal. Com isso, mostra que o profissional é sempre capaz de se superar e que a busca por desafios é algo motivador em qualquer carreira. Quem foge dos desafios perde oportunidades de aprender e crescer.

5 Cristiano Ronaldo (Portugal)

“A experiência me fez entender que, jogando em equipe e sendo solidário, se alcançam os maiores objetivos.”

A frase do melhor jogador do mundo traz uma das metáforas esportivas que mais se aplica ao mundo corporativo: a da importância do trabalho em equipe. No futebol como em qualquer outro trabalho, dificilmente é possível realizar sem a ajuda de outras pessoas. Cristiano Ronaldo, apesar da sua fama de egocêntrico, fez questão de comemorar primeiro com a equipe de fisioterapeutas quando ganhou a Bola de Ouro em 2013, por exemplo.

6 Zico (Brasil)

“Na vida, você não pode dizer que já conseguiu tudo.”

Zico teve muitas conquistas ao longo da vida, como jogador e, depois, como treinador. Porém, mesmo assim, continua cultivando metas, o que é importante até para quem já está “no topo”. Não se acomodar e seguir em busca de novos conhecimentos e desafios é uma dica válida para todo profissional.

7 David Beckham (Inglaterra)

“Qualquer um que diga ‘os homens de verdade não choram’ nunca jogou futebol com verdadeira paixão.”

Um dos jogadores mais bem pagos do mundo lembra da importância de não ter medo de demonstrar suas emoções e de se entregar com paixão à atividade que desempenha. Além disso, Beckham ressalta que se emocionar com o que se faz ajuda a se sentir realizado e também ajuda a aumentar a produtividade.

8 Ronaldo Nazário (Brasil)

“Quando você marca gols, é ótimo. Quando não, é gordo.”

Com essa frase, Ronaldo lembra que bom humor e perspectiva são fundamentais para se receber críticas e comentários negativos. Além disso, o ex-jogador lembra que nem sempre se deve dar ouvidos aos que os outros falam, especialmente quando a crítica é destrutiva. Quando se tem confiança no que se faz, as palavras dos outros não devem nos abalar.

9 Andrés Iniesta (Espanha)

“Não havia tempo para pensar: simplesmente chutei.”

A frase faz referência ao jogo do Barcelona, seu time, contra o Chelsea, em 2009, quando a equipe espanhola estava prestes a ser derrotada, e Iniesta fez um gol aos 48 minutos do segundo tempo. Às vezes, seguir seu impulso e agir de acordo com a intuição pode trazer resultados positivos e inesperados.

10 Thierry Henry (França)

“No futebol, você sempre é julgado pela sua última partida.”

Por mais brilhante que tenha sido a carreira de Thierry Henry, quando seu desempenho começou a cair, não faltaram críticas. A lição que fica é não se acomodar com as épocas gloriosas e de vitória e ficar sempre em busca de se renovar.

11 Zlatan Ibrahimovic (Suécia)

“Há coisas escritas em nosso destino e outras obtidas com trabalho duro.”

Para Ibrahimovic, não basta ter um talento, é preciso trabalhar duro para conseguir ter sucesso. O jogador sueco de descendência bósnia lembra que, para conseguir crescer na carreira, é fundamental ter foco e determinação.

Deixe um comentário