Estes são os freelancers mais procurados agora no Brasil

exame

A área de tecnologia desponta no mercado como a mais promissora para trabalho freelancer, segundo pesquisa realizada pela Workana, que conecta empresas e profissionais em toda América Latina. No mercado há três anos, a plataforma reúne 219 mil freelancers cadastrados e 100 mil projetos já foram publicados por lá.

A pesquisa também mostra que, além de TI e programação, design e serviços multimídia também são atividades bastante procuradas. Além destas áreas, confira, nas fotos, outros segmentos que também aparecem na pesquisa e veja as regiões com maior demanda e oferta de profissionais atuantes.

[slider slider_height=”450″ image_resize=”false” image_crop=”true” flex_slider_effect=”slide” slider_timeout=”60″]
[slide title=”1. Tecnologia da informação e Programação” img_url=”http://assets3.exame.abril.com.br/assets/images/2015/8/544660/size_810_16_9_linguagem-programacao.jpg” link=””]É o segmento mais procurado pelas empresas. Segundo a pesquisa, responde por 43% da demanda na Workana. Os estados de São Paulo e de Minas Gerais são os que mais se destacam na contratação destes profissionais: 47% das necessidades de empresas paulistas e mineiras são para trabalhos neste segmento.

No site, 31% dos profissionais cadastrados são de TI ou programadores. Entre eles, 37% são de Belo Horizonte, 36% de São Paulo e 29% de Porto Alegre. As três capitais são, segundo o levantamento do Workana, as cidades com maior número de profissionais desta área. Os projetos duram em média 31,5 dias.[/slide]
[slide title=”2. Designers e profissionais de multimídia” img_url=”http://assets2.exame.abril.com.br/assets/images/2015/9/546236/size_810_16_9_web-design.jpg” link=””] A pesquisa mostra que 28% da demanda registrada na Workana é para serviços de design e multimídia. O estado do Rio Grande Sul se destaca entre as regiões com mais procura por freelancers deste segmento: 30% da busca que parte de empresas do estado é para trabalhos nesta área. Das empresas do Paraná, 31% das necessidades são para design e serviços multimídia.

Entre os profissionais cadastrados, 39% são do Rio de Janeiro e 29% da Bahia, dois estados que, segundo a pesquisa, se destacam na oferta deste tipo de serviço. Projetos duram em média 21,5 dias.[/slide]
[slide title=”3. Tradutores e produtores de conteúdo” img_url=”http://assets1.exame.abril.com.br/assets/images/2015/1/525627/size_810_16_9_459082897-web.jpg” link=””]Serviços de tradução e de produção de conteúdo são 15% da demanda na Workana. Entre os profissionais cadastrados, 14% são deste segmento.

Entre as regiões com mais necessidade de serviços de tradução e de produção de conteúdo, o levantamento destaca a Bahia, onde 19% da demanda é nesta área. Os projetos duram 18 dias, em média.[/slide]
[slide title=”4. Profissionais de marketing e vendedores” img_url=”http://assets3.exame.abril.com.br/assets/images/2015/7/541590/size_810_16_9_marketing.jpg” link=””]O segmento significa 8% da demanda registrada pela Workana. Em Minas Gerais, o cenário mostra uma significativa incidência (12%) por estes serviços, segundo a pesquisa. Mas, profissionais desta área estão mais em destaque em outros estados: Bahia (12%), São Paulo (11%) e Rio Grande do Sul (10%). [/slide]
[slide title=”5. Engenheiros e profissionais da área de manufatura” img_url=”http://assets2.exame.abril.com.br/assets/images/2015/4/534146/size_810_16_9_engenheiros.jpg” link=””]Os projetos de engenharia e manufatura podem ser menos numerosos, mas são os mais longos. De acordo com a pesquisa, duram em média 49 dias. O estado de São Paulo é o que mais contrata este tipo de serviço, 3% dos contratos fechados no estado são para trabalhos de engenharia e manufatura. Na Bahia e no Paraná, 2% dos projetos contratados são do segmento.[/slide]
[slide title=”6. Profissionais administrativos” img_url=”http://assets2.exame.abril.com.br/assets/images/2011/10/41023/size_810_16_9_negociar-divida-cdhu.jpg” link=””] O segmento de suporte administrativo também aparece com 2% da demanda na Workana, segundo a pesquisa. Quatro por cento dos profissionais cadastrados no site oferecem serviços nesta área.

Entre os estados, Pernambuco é o que tem a demanda mais expressiva: 6% dos projetos que partem de contratantes de lá são para suporte administrativo. Minas Gerais e Bahia vêm logo atrás com 5% cada um.

Maior oferta de profissionais em Pernambuco e no Paraná: 8% dos freelancers de cada um dos dois estados que estão cadastrados naWorkana trabalham nesta área. [/slide]
[slide title=”7. Profissionais do direito” img_url=”http://assets1.exame.abril.com.br/assets/images/2015/5/535931/size_810_16_9_martelo-justica.jpg” link=””]A cada 100 serviços buscados na Workana, um é para a área legal. Profissionais desta área são 3% dos cadastrados no site. Bahia e Minas Gerais registram maior demanda: 2% dos projetos com origem nestes estados são para trabalho freelancer na área de serviços legais. Trabalhos duram em média 19 dias, segundo o levantamento.[/slide]
[slide title=”8. Profissionais de finanças e administradores” img_url=”http://assets1.exame.abril.com.br/assets/images/2015/10/549513/size_810_16_9_dinheiro-reais.jpg” link=””] Ao lado de serviços legais, é o segmento menos expressivo em termos de demanda e responde por apenas 1% das necessidades das empresas que buscam profissionais por meio da Workana. Três por cento dos profissionais oferecem serviços desta ordem no site.

Os estados com maior percentual de pessoas oferecendo trabalhos temporários na área de finanças e administração são Minas Gerais (4%) e Paraná (4%). São Paulo e Pernambuco vêm logo atrás com 3% cada um. Projetos duram um mês em média, de acordo com a pesquisa.[/slide]
[/slider]

Notícias relacionadas

Deixe um comentário