As 10 melhores profissões para quem tem filhos

exame

Flexibilidade é palavra de ordem (e, em muitos casos, dos sonhos) dos profissionais que se desdobram entre a carreira e a criação dos filhos. Home office também.

Se aqui no Brasil, a presença diária no escritório ainda é regra para a maioria das pessoas, nos Estados Unidos o teletrabalho já é uma realidade mais natural para muitas empresas e, sobretudo, para os cargos e carreiras que você vai encontrar nesta lista elaborada pelo portal PayScale.

Confira abaixo as melhores atividades profissionais para pais e mães que não querem perder os melhores momentos do crescimento de seus filhos:

1. Cientista de dados

Salário médio anual nos Estados Unidos: 100 mil dólares.

De acordo com o PayScale, a carreira é perfeita para pais que gostem de tarefas analíticas e atividades que envolvam lógica. Oportunidades profissionais de horário flexível, bons salários e níveis de estresse relativamente baixos no dia a dia colocam a profissão no topo da lista.

2. Atuário

Salário médio anual nos Estados Unidos: 85,5 mil dólares.

Por ser um trabalho que não exige presença física constante no escritório, entre os atuários, a prática do home office é difundida, o que vem a calhar com a necessidade de muitos pais que trabalham. O índice de estresse é baixo, segundo as declarações de 60% dos profissionais.

3. Engenheiro de Pesquisa & Desenvolvimento

Salário médio anual nos Estados Unidos: 80 mil dólares.

Mais de 90% dos profissionais dizem ter horário flexível e 60% destacam os baixos níveis de estresse da carreira. Aliados ao salário médio razoável, estes aspectos tornam a profissão ideal para quem tem filhos.

4. Consultor de Saúde

Salário médio anual nos Estados Unidos: 80 mil dólares.

A carreira, nos Estados Unidos, é dominada por mulheres, segundo informações do PayScale. Consultores trabalham tanto para empresas e indústrias como também para hospitais e grandes consultorias do setor de saúde. Flexibilidade de horário e pouco estresse são aspectos que contam a favor de quem tem filhos e trabalha.

5. Cientista pesquisador

Salário médio anual nos Estados Unidos: 77,7 mil dólares.

Vantagem para pais muito ocupados, o jaleco branco é certeza de não perder muito tempo se preocupando com a roupa de trabalho, destaca a equipe do PayScale, que elaborou a lista. Horário flexível e pouco estresse na rotina são também uma realidade reportada por profissionais.

6. Profissional de segurança da informação

Salário médio anual nos Estados Unidos: 87,8 mil dólares.

Boa carreira para os pais que adoram números e são amantes da tecnologia da informação. Flexibilidade de horário é um ponto forte para os pais, além do salário.

7. Desenvolvedor de software

Salário médio anual nos Estados Unidos: 66,7 mil dólares.

A demanda em alta e a possibilidade de trabalhar em esquema de home office e com horários flexíveis são as principais razões que colocam a profissão na lista, segundo a equipe do PayScale.

8. Designer de experiência de usuário

Salário médio nos Estados Unidos: 70 mil dólares.

A carreira é uma das mais quentes na área de tecnologia, segundo informações do PayScale. Boa para quem tem filhos, a atividade também permite flexibilidade de horário e expedientes em home office.

9. Engenheiro Ambiental

Salário médio anual nos Estados Unidos: 70 mil dólares.

Horário flexível e pouco estresse são os pontos citados pelos profissionais da engenharia ambiental que vão ao encontro das necessidades de pais e mães que trabalham.

10. Analista de business intelligence

Salário médio anual nos Estados Unidos: 65,5 mil dólares.

Pais que têm mais de um filho sabem que a habilidade de negociação e de comunicação é altamente exigida quando irmãos estão em pé de guerra. E, segundo a equipe do PayScale, estas são competências primordiais de um analista de business intelligence. Por isso, e pela possibilidade horário flexível e pouco estresse na carreira, a profissão fecha a lista de atividades indicadas para quem tem filhos.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário