Após nascimento da filha, Zuckerberg doa 99% de suas ações no Facebook

Por Agências de Notícias

O cofundador e executivo-chefe do Facebook, Mark Zuckerberg, 31, e sua mulher, Priscilla Chan, anunciaram nesta terça-feira (1º) o nascimento de seu primeiro filho, uma menina, e a doação de 99% de suas ações na companhia para a sua própria fundação filantrópica.

Os valores serão doados gradativamente, ao longo da vida deles. Hoje, as ações dos dois na rede social, a mais usada no mundo, valem cerca de US$ 45 bilhões – para os próximos três anos, o executivo vai doar até US$ 1 bilhão por ano. Isso significa que ele não perderá o controle acionário do Facebook no curto prazo.

Os valores serão enviados à fundação dos dois, chamada Chan Zuckerberg Initiative, que vai financiar outras ONGs, fazer investimentos privados e participar de debates sobre políticas públicas. Os lucros vindos de investimentos feitos em companhias serão reinvestidos no fundo.

A Chan Zuckerberg Initiative busca “impulsionar o potencial e promover a igualdade em áreas como saúde, educação, pesquisa científica e energia”. Os recursos de Zuckerberg serão usados para educação personalizada, cura de doenças, conexão de pessoas e fortalecimento de comunidades.

“Nossa sociedade tem a obrigação de investir agora para melhorar a vida de todos aqueles que vêm a este mundo, não apenas a daqueles que já estão aqui”, escreveram Zuckerberg e Chan na carta. “Mas agora, nós nem sempre dirigimos nossos recursos coletivamente para os maiores problemas e oportunidades que a sua geração irá enfrentar.”

Anteriormente, o criador do Facebook já tinha se comprometido a dar metade de sua fortuna como parte de uma iniciativa chamada The Giving Pledge, liderada pelo bilionário Bill Gates, fundador da Microsoft. Suas doações para causas como educação, saúde e ambiente totalizam US$ 1,6 bilhão.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário