As 9 metas de carreira dos jovens (e o que mudou em 3 anos)

Exame

A busca pelo equilíbrio entre a vida profissional e pessoal continua sendo a principal meta de carreira dos universitários brasileiros. E, em quatro anos, ganhou ainda mais importância para os jovens.

Os dados são de levantamento feito pela consultoria Universum com mais de 64 mil estudantes do ensino superior em diferentes áreas do conhecimento no Brasil.

Ao contrário de outros países, onde os objetivos de carreira dos estudantes variam muito, dependendo da sua área de estudo, os alunos brasileiros são bastante consistentes em suas escolhas, destaca a equipe da Universum.

“Vemos isso como uma indicação de que as metas de carreira dos estudantes brasileiros são o resultado de fatores culturais, ao invés de relacionadas aos cursos que eles estudam – como observamos em nossos estudos ao redor do mundo”, diz Carly Creighton, diretora para a América Latina da Universum.

A pesquisa mapeia os objetivos profissionais dos jovens hoje e também traz um comparativo com as metas que eram mais importantes há três anos. Confira quais são os 9 principais objetivos dos universitários e veja o que tem mudado com o passar dos anos:

1. Equilíbrio em vida profissional e pessoal

Para 60% dos universitários brasileiros este é o principal objetivo a ser perseguido na carreira. Há quatro anos, 49% haviam selecionado essa opção, o que mostra que, para os jovens, este é um tema que vem ganhando força nos anseios profissionais dos universitários. De 2011 para cá, o crescimento foi constante, segundo os dados da Universum.

Equilíbrio entre vida pessoal e profissional % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 60%
2013 59%
2012 53%
2011 49%

2. Estabilidade no emprego

A estabilidade no emprego ganhou importância, sobretudo de 2013 pra cá. Hoje, 52% dos jovens assinalam o item como uma meta de carreira. Em 2011, esse era um objetivo para 42% dos jovens.

Estabilidade no emprego % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 51%
2013 44%
2012 39%
2011 42%

3. Servir a uma causa, a um bem maior

Encontrar sentido na carreira servindo a uma causa ou bem maior para a sociedade é o terceiro principal objetivo dos jovens brasileiros, em 2014. Entre os mais 64 mil entrevistados, 35% assinalaram o item como um objetivo profissional. Em 2011, 29% afirmaram que servir a uma causa era uma de suas metas.

Servir a uma causa, a um bem maior % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 34%
2013 37%
2012 33%
2011 29%

4. Ser empreendedor, criativo ou inovador na carreira

Para 34% dos jovens entrevistados em 2014, o empreendedorismo, a criatividade e a inovação são objetivos essenciais na vida profissional. Em 2011, interessados nessa meta eram 36%.

table class=”exameTable”>

Ser empreendedor, criativo ou inovador % de jovens que têm essa meta na carreira 2014 34% 2013 36% 2012 36% 2011 36%

5. Ser um líder, um gestor de pessoas

Conquistar um cargo de gestão é meta de carreira de 28% dos jovens. Há 3 anos, 29% diziam perseguir este objetivo profissional.

Ser um líder, um gestor de pessoas % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 28%
2013 27%
2012 32%
2011 29%

6. Conquistar carreira internacional

A carreira internacional perdeu força no imaginário dos universitários. Hoje, 26% têm esta meta. Mas em 2011, eram 34% os interessados em trabalhar no exterior. E em 2012, este era o terceiro principal objetivo de carreira dos jovens:

Fazer carreira internacional % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 26%
2013 30%
2012 37%
2011 34%

7. Sentir-se desafiado

A preocupação com os desafios profissionais parece ter dado lugar à busca pela estabilidade profissional no imaginário da geração. Ser desafiado intelectualmente ou por conta da competitividade do mercado é uma meta de carreira para 24% dos universitários, em 2014. Há 3 anos, esta era a 2ª meta mais importante entre os jovens, ao lado da estabilidade.

Sentir-se desafiado % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 24%
2013 30%
2012 36%
2011 42%

8. Tornar-se um especialista

A conquista do título de especialista em determinada função é mais importante para os jovens de hoje do que para os universitários entrevistados em 2011. Atualmente, 24% têm este objetivo. Em 2011, esta era uma meta profissional para 18%.

Tornar-se um especialista % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 24%
2013 14%
2012 17%
2011 18%

9. Ser autônomo ou independente

A autonomia na carreira também tem sido mais cara aos universitários hoje do que era em 2011. Há 3 anos 10% assinalaram a autonomia profissional como sendo um objetivo a ser alcançado. Em 2014, o item esteve em 16% das respostas.

Ser autônomo ou independente % de jovens que têm essa meta na carreira
2014 16%
2013 13%
2012 10%
2011 10%

Deixe um comentário